7 Infrações de Trânsito que Poucos Brasileiros Conhecem? Confira!

7 Infrações de Trânsito que Poucos Brasileiros Conhecem? Confira!

Ah, o trânsito! Esse labirinto de regras e sinais onde a aventura de dirigir se desenrola diariamente. Você, assim como eu, deve achar que já conhece todas as infrações possíveis, não é mesmo? Mas será que conhece mesmo?

Hoje, vou compartilhar com você 7 infrações de trânsito que poucos brasileiros conhecem. A dica é ficar por dentro dessas regras para evitar surpresas desagradáveis e, claro, contribuir para um trânsito mais seguro.

1. Usar o celular no modo viva-voz ou fone de ouvido enquanto dirige

Sim, isso mesmo! Embora a maioria saiba que manusear o celular dirigindo é infração, poucos sabem que até mesmo usar o aparelho no viva-voz ou com fones é considerado infração. Isso porque qualquer dessas ações pode distrair o motorista, aumentando o risco de acidentes.

2. Dirigir com o braço para fora do veículo

Quem nunca viu alguém com o braço para fora do carro, aproveitando a brisa? Pois é, mas essa atitude aparentemente inofensiva é uma infração de trânsito. O motivo é simples: em caso de acidentes, o risco de lesões graves aumenta significativamente.

3. Estacionar a menos de um metro e meio de uma garagem

A pressa ou a falta de espaço muitas vezes nos leva a cometer essa infração sem perceber. Deixar o carro estacionado muito próximo à entrada de uma garagem pode dificultar ou mesmo impedir a saída de outros veículos, caracterizando infração.

Leia:  7 Alimentos que podem Explodir se colocados na Air Fryer

4. Jogar lixo pela janela do veículo

Além de ser uma questão de educação e respeito ao meio ambiente, jogar lixo pela janela durante a condução é considerado infração de trânsito. Isso pode causar acidentes, além de contribuir para a poluição.

5. Não usar o cinto de segurança no banco traseiro

Muitos passageiros e até mesmo motoristas ignoram a importância do cinto de segurança no banco traseiro. No entanto, seu uso é obrigatório e essencial para a segurança de todos os ocupantes do veículo.

6. Dirigir com calçado que não se firme nos pés

Dirigir de chinelos, por exemplo, é uma infração de trânsito pouco conhecida. Calçados que não se firmam nos pés podem escorregar ou prender nos pedais, aumentando o risco de acidentes.

7. Uso inadequado de farol alto

O uso do farol alto é essencial em situações de baixa visibilidade, mas seu uso inadequado pode ser perigoso, ofuscando a visão de outros motoristas. É importante saber quando e como utilizar corretamente o farol alto para evitar infrações e garantir a segurança no trânsito.

Conclusão

Agora que você conhece essas infrações de trânsito que poucos sabem, espero que se sinta mais preparado para navegar pelas ruas e estradas com ainda mais responsabilidade.

Lembre-se: no trânsito, a sua atitude faz toda a diferença. E se você gostou dessas dicas, não deixe de compartilhar com amigos e familiares. Juntos, podemos tornar nossas vias mais seguras para todos.